terça-feira, 16 de junho de 2009

Reset


Não sou Jesuíta. Desde que se falou de Jorge Jesus para vir treinar o Benfica, sempre mostrei a minha discordância. Não gosto do estilo, detecto-lhe várias lacunas, reconhecendo-lhe, obviamente, alguns méritos.
Uma vez que a sua contratação está iminente, não me restará outra alternativa senão pôr o contador a zeros e analisar dia a dia, jornada a jornada, o trabalho do homem.
Quando for para criticar, cá estarei. Se for para elogiar, cá estarão os amigos verdes para o criticar.
Dou-lhe o beneficio da dúvida e ele, em troca, que me ponha o Benfica a jogar bem e que fale o menos possível. Combinado, Jorzezezus?

10 comentários:

low desert puke disse...

A situasseum mais preprederante nao è, e repito, nao è..meter o Beinfica a jogar bein, è, e aqui assinalo o facte, ganhar jogues. Com vitòrias...De vitòrias fazeimsse grandejiquipas e o Beinfica come grandiquipa que è, e repito, que è, tem de ser campeaum. E estamos cà è pra trabalhar e pro dia a dia à espera de titeles, e com muita força de vontade e querer e os jogues è pra ganhar jornada apòs jornada pruque a època è longa, ssaum trintaetal jogues e hà que fazer pontes, mais docòs nosses rivais e nom fim logue severà.

Ricardo disse...

Para o Benfica resolver os seus problemas, não chega contratar um treinador competente mas ajuda. Jesus sabe da poda, disso não tenho dúvidas. Espero que possa ter condições para mostrar o que vale. Quando digo "condições" falo por parte da Direcção mas, mais do que isso, dos adeptos.

Já chega de tanta boçalidade na forma como os adeptos não permitem aos treinadores portugueses algum espaço de manobra.

Se o Santos tivesse tido um décimo da benevolência que o Quique teve, tínhamos sido campeões no segundo ano.

Espero que o Jesus consiga ganhar os adeptos. Mas tenho dúvidas.

NUNO RAMOS disse...

Para quem gosta de recordar o nosso clube em imagens, recordando as nossas vitórias e glórias, visite o Armazém Leonino. Julgo que passará alguns momentos nostalgicos. Peço desculpa pela intromissão!

http://armazemleonino.blogspot.com

para apaixonados por cromos,jornais antigos, relatos de futebol, revistas antigas, etc... visite!

Caneleiras de cortiça disse...

outra vez este gajo???

low desert puke disse...

Acho q deviamos combinar e irmos todos ao mesmo tempo là a este armazèm leonino postar merdas parvas atè entupir a internet daquele gajo.

Bengas disse...

Acho que o Benfica fica melhor servido, sem dúvida. O Quique mostrou o quanto a imprensa pode fabricar bluffs. A verdade é que esse senhor nunca fez nada por onde passou e no Benfica não mostrou nada, só que é simpático e consegue papar a Orsi.
Quanto ao JJ, como já disse aqui há tempos, as minhas únicas dúvidas são:
1- se a sua liderança "bruta" de capataz vai sortir efeito no plantel do Benfica, que tem nomes mais sonantes, com outro peso, que todos os que ele treinou até hoje.
2- Se ele tem sucesso a treinar um grande, pois como sabemos é bem diferente treinar um grande, em que se tem de jogar sempre para ganhar e em ataque continuado, do que nas equipas pequenas e medianas. No entanto, o Braga é hoje a seguir aos grandes, a equipa que mais joga como um grande, e por isso talvez este capítulo seja um falso problema.

tio disse...

a seguir ao porto e ao sporting sem duvida.

Ricardo disse...

"No entanto, o Braga é hoje a seguir aos grandes, a equipa que mais joga como um grande, e por isso talvez este capítulo seja um falso problema."

Eu diria que o Braga este ano foi o único, a par com o Porto, que jogou "à grande". Tanto Sporting como Benfica jogaram com tácticas bem mais cautelosas e menos corajosas na forma de abordar os jogos que o Braga.

Repórter H disse...

Qual reset, qual carapuça! Vende mas é o chaço e passa a andar de transportes públicos que é o melhor que fazes.

low desert puke disse...

"a seguir ao porto e ao sporting sem duvida."

O sporting este ano jogou em ataque continuado? Dinamico? Explosivo e com movimentaçoes ràpidas? Alguma vez foi corajoso na forma de abordar os jogos?

Tio, das duas uma: ou estàs com vontade de tambèm tu fazeres a mala e abandonares as internetes para sempre. Ou, pior, ès capaz de dizer que a unica diferença entre o sporting e o Barcelona è o penteado dos treinadores.

Pesquisa personalizada