segunda-feira, 12 de outubro de 2009

Labreguices


in www.abola.pt:

Festejo do extremo da Selecção Nacional foi, no geral, mal interpretado. Jogador português queria apenas imitar uma célebre pose do avançado francês. Sem polémica, portanto...
O extremo do Atlético Madrid ainda esboçou uma corrida para a linha de fundo mas, subitamente, parou, ficou com o rosto sério, não comemorou. E, subitamente, o País questionou-se sobre o porquê de tal atitude. Afinal, Cristiano Ronaldo estava ali mesmo ao lado, era só abraçarem-se. «Estão chateados? Não se falam», perguntaram alguns; «Não quis celebrar com a Luz?», pensaram outros.

A verdade é que Simão festejou mesmo o seu golo. A celebração é que, porém, não correu como esperado. De acordo com fontes próximas do jogador ontem contactadas por A BOLA, o extremo português há muito que combinara uma brincadeira para a próxima vez que marcasse um golo pela Selecção Nacional: festejar à Cantona!

Para quem não sabe o que é uma celebração «à Cantona», a expressão ganhou força quando, após um grande golo apontado com a camisola do Manchester United ao Middlesbrough, o fantástico número 7 francês parou numa pose austera, de gladiador, e, com o rosto fechado e colarinhos levantados, iniciou uma rotação lenta, contemplando todo o estádio que o aplaudia efusivamente.

Ora Simão, na sua tentativa de imitar o gesto, esqueceu-se de dois pormenores: primeiro, a camisola da Selecção não tem colarinhos; segundo, não chegou a fazer a tal rotação de contemplação das bancadas. Ou seja, não se percebeu que queria imitar Cantona, provocando assim alguma especulação em redor do acto. Fica, portanto, o esclarecimento.

7 comentários:

joemorales disse...

Fuinha, retornastes em grande. Onde é que arranjas dessa? Bate mais do que a minha, também quero.

Aconselho-te a não desistires como a tua colectividade, as tuas piadas são algo de refrescante e a bloguesfera precisa de ti. Em grande.

É caso para cantar " Fuinha in "tha" house" (ao mesmo tempo que se vai sacudindo os dedos como se neles estivesse algo pestilento)

tio disse...

tou mesmo a imaginar a vozinha de puto estupido dele a justificar.


que ridiculo...

Dartacão disse...

vou cancelar a minha newsletter sobre novidades do benfica e a assuntos a ele relacionados,o meu caro Fuinha está mais à frente.
Olha já agora ve lá a celebração do Djaló
o gajo deve ser fan dos Roxette...The Big L

jürgen disse...

mt bom, o pasquim sempre em grande na defesa dos jogadores e ex-jogadores do clube q apoia.

um autentico branqueamento duma atitude reprovável de um dos jogadores mais internacionais desta equipa.

E o pormenor de acabarem a reportagem com um “Fica, portanto, o esclarecimento”

Mas qual esclarecimento?
Alguem ficou esclarecido??
Alguem acredita q era isso q ele queria fazer??

Simulão fora da selecção. Já!

joemorales disse...

Muahahaaaaha, isto é delicioso. É só dementes.

low desert puke disse...

...Tanto ansiei pelo seu regresso, suspirei por novas prosas futeboleiras, pela sua convicçao, desejei olhar para este monitor e ser tocado pela sua patética cegueira, numa explosao de pixels, ou implosao...de verde...ser absorvido pela auto-comiseraçao do losango, esperei horas e horas apoiado no teclado num refresh catatònico mas frenético. Contei essas mesmas horas, é como se estivesse dentro do monitor, mas cà fora, olhando através dele mas espelhando-me a mim e à minha exasperante espera pelo bitaite certeiro, azedo, corroìdo, sem bola, para cartao vermelho directo...Rezei para que voltasse nem que fosse apenas para comentar posts de outrém...e ele, com mais convicçao ainda, com mais pequenez mental ainda, com umas palas verdes maiores ainda que o Monte Evereste...ele...voltou.



De mim,

De todos nòs,

Obrigado Fuinha.

pitons na boca disse...

Labreguice ainda maior que a noticia em si e o espectaculo que se está a querer fazer em volta de um festejo (ou ausencia dele) num golo é o comentário do Jurgen...

Pesquisa personalizada