domingo, 4 de julho de 2010

Porque recordar é viver...

Photobucket

Photobucket

Photobucket

Photobucket

Photobucket



...serve este agridoce post para fazer recordar ao nosso caro Fuinha da Bola, os sucessos obtidos em tão grandiosa escola de futebol.

45 comentários:

Constantino disse...

so falta ai a foto do figo a festejar efusivamente um golo do Inter ao scp.

jocivalter disse...

Acho que isso não fez capa de jornal :)

ana disse...

sim, sim, uma merda de homens, realmente, mas a escola é para formar jogadores, e disso, meus senhores, ninguém duvida que o Sporting faz... a nós dói-nos a ingratidão. Aos outros dói não saberem como se faz...

Anónimo disse...

Eu gostava é de saber quando é que alguém se digna a actualizar os dizeres de JEB THE FAB para satisfação dos presentes. começa a faltar espaço?

joemorales disse...

Estas capas têm que ser actualizadas com a frase do ex Capitão que diz "nunca mais vou vestir a camisola do Sporting".

Valdemar disse...

Bons dias a todos.

Deixo a pergunta,

vale mais ter uma escola que forma atletas, uns bons, outros menos bons, uns aproveitados pela equipa principal, outros vendidos ou cedidos, uns com fibra moral, outros mercenários, ciumentos, indisciplinados,

ou pura e simplesmente pagar por argentinos e brasileiros?

Moutinho foi embora? De insubstituíveis está o cemitério cheio.

O Sporting continua e de certeza, vai entrar nos jogos todos durante esta época, com uma equipa de 11 atletas.

Fica no entanto, a prova de que a braçadeira de capitão pode ter sido colocado no braço do Moutinho, como no braço do Cristiano Ronaldo, como forma de dar responsabilidade aos jogadores, de calar/compensar algum descontentamento.

Como se vê em ambos os casos, não resulta.

low desert puke disse...

Valdemar, a formaçao é uma aposta de gestao do clube. Mais por motivos culturais enraizados no sporting do que desportivos, quanto a mim.

Veja-se o Ajax e a sua escola - formam jogadores e por consequencia uma equipa e sò vendem alguém quando retiram mérito desportivo disso, ou seja, um (ou mais) titulos. Até là ninguém sai. Ou se sai nunca é o melhor produto ou o capitao de equipa, sai alguém que se notabilizou mas que pode rapidamente ser substituido com outro puto. O clube primeiro garante que ganha um tìtulo, sò depois abre as portas e deixa sair alguém com o objectivo de ganhar dinheiro.

No sporting nao. A dimensao é "industrial", pois gera-se um jogador e assim que algum tubarao europeu dà com o olho nele vende-se. Quantos "notàveis da formaçao" ganharam titulos pelo e com o sporting? Sabes responder? O sporting é uma linha de produçao em cadeia, talvez por isso, alguns dos històricos sportinguistas - Futre, Figo, Cadete, Simao etc... nao transportem no coraçao, anos mais tarde à beira do fim da carreira, a quase obrigaçao de acabar como jogador no clube que o formou. Porque? Porque se calhar eles pròprios sò se lembrem do sporting como uma escola com uns campos relvados jeitosos onde um gajo podia passar os dias a dar toques na bola e nada mais. Nao sabem o que é ganhar um titulo de campeao, transportar aquela camisola por todos os relvados por um ano e no final erguer a taça de campeao portugues. Nunca o experimentaram, logo, com o passar dos anos o sentimento sobre o clube porventura desvaneceu-se.

Desde hà dois anos que Moutinho quer sair. Ve os anos a passarem e a equipa a definhar cada vez mais. Nao ganha titulos, mantendo apenas o seu estatuto de capitao enquanto olha para os colegas e ve grimis, abéis e saleiros. Chega a casa e ve na tv o Benfica a dar reviravoltas a eliminatòrias em casa do Marselha ou o porto a chegar sistematicamente longe na champions. Culminando em perder no minimo um lugar como suplente num Mundial...

Curioso o facto da muito em voga boca dos brasileiros e argentinos. Pois agora que veem o Benfica a ganhar usando muitos jogadores com essa nacionalidade jà vos chateia, cria-vos desdém e organizam bota-abaixismo por isso...Mas o porto hà quase 10 anos que o faz e foi inclusivamente campeao europeu e voces andavam caladinho. Enfim, o costume. O facto de ontem eu ter lido centenas de vezes chamarem "lampiao" ao Moutinho por ter assinado pelo porto é sintomàtico.

Pior do que ser complexado é continuar a insistir em ser complexado, e se voces preferem viver disso em vez de darem um murro na mesa e mandarem JEB e costinha (também deve ser lampiao este!) às urtigas entao sò teem o clube - e a continua dimensao derrotista adjacente - que merecem.

low desert puke disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
jocivalter disse...

Valdemar,

o formador de grandes atletas foi campeão 2 vezes em 29 anos, por sua vez o que só compra brasileiros e argentinos foi campeão 8 vezes.
Vale a pena responder?

Valdemar disse...

Quantos jogadores voltaram para o Benfica nas condições que descreves? Mística benfiquista? É o Luisão que acaba a carreira na Luz? Ou o David Luiz? Talvez o Halliche...

Chamam lampião ao Moutinho?

Se o Coentrão alguma vez falhar, quero ver o que lhe chamam os benfiquistas.

No Sporting há Grimi, Abel e Saleiro? No Benfica são todos internacionais A? Ou sequer jogadores de qualidade? Luis Filipe? O mano do Maniche?

A dimensão ganhadora que falas, que falta ao Sporting, é por oposição à do Benfica?

Já aqui falei nessa ilusão de "cultura de vitória" que os benfiquistas descobriram tendo ganho um campeonato, depois de anos de terceiro para baixo.

Quem escuta, parece que andam há anos a dominar o futebol Português...

Nem ao Porto se escuta sobranceria dessa.

De volta ao tema em questão, o capitão da equipa e jogador de qualidade, trocar a equipa pelo rival, já tinhamos visto este filme aquando o JVP. Que sentiste na altura? Que prejuízo para o Benfica? O Benfica ficou menor ou acabou, como vaticinam por aí frequentemente?

Eu, apesar de Sportinguista racional, não posso desejar as melhores sortes ao Moutinho, porque as desejo ao meu clube.

Valdemar disse...

Eu a meter o comentário e o Joci a responder à questão da grande cultura de vitória benfiquista.

Parece-me que neste caso, está o roto a comentar ao nú, os lindos trajes que veste...

Valdemar disse...

Joci,

analizando a vertente da formação, que essa sim, vale a pena comentar,

tens razão quando insinuas que a formação não é paroveitada como mais valia para o plantel principal.

Foi aliás, um ponto que me agradou no discurso do Paulo Sérgio: a intenção de integração regrada de jovens no plantel principal. O empréstimo a equipas onde possam rodar a jogar, o acompanhamento pelos olheiros do clube que fazem relatório ao treinador, este ou outros que venham. Uma estrutura, portanto.

Mas façamos as contas aos jogadores que, em 29 anos, o Benfica e o Sporting deram à selecção principal.

Ao Sporting, falta o aproveitamento da qualidade e integração gradual e racional dos atletas.

Nisso, tens razão.

low desert puke disse...

"Quantos jogadores voltaram para o Benfica nas condições que descreves? Mística benfiquista? É o Luisão que acaba a carreira na Luz? Ou o David Luiz? Talvez o Halliche..."

Visto que alargaste a discussao para jogadores que pouco ou nada teem a ver com a formaçao, estrangeiros até, entao aqui vai: Nuno Gomes voltou em 2002 num periodo muito conturbado do clube, mas voltou. Rui Costa, palavras para que? Ricardo e Valdo. Mozer. JVP teria jogado para sempre no Benfica se nòs nao tivessemos tido um incompetente à frente do clube de nome vale e azevedo, etc...

"No Sporting há Grimi, Abel e Saleiro? No Benfica são todos internacionais A? Ou sequer jogadores de qualidade? Luis Filipe? O mano do Maniche?"

Nem no banco se sentam, enquanto que os teus nao poucas vezes sao titulares...Enough said.

"Já aqui falei nessa ilusão de "cultura de vitória" que os benfiquistas descobriram tendo ganho um campeonato, depois de anos de terceiro para baixo."

Nao ganhàmos um campeonato, ganhàmos oito. E se calhar poderiam ter sido mais se o suìno là do norte nao tivesse montado um bordel em casa destinado à clientela da APAF, mas o Benfica é que tem colinho e tuneis...No mesmo perìodo o sporting ganhou 2 e pelo menos num tinha um cocainòmano a meter bolas de cabeça là pra dentro, obviamente os controlos anti-doping sò funcionavam em certos estàdios do paìs.

"Quem escuta, parece que andam há anos a dominar o futebol Português..."

Nao andamos, mas mais uma vez, porque se calhar é melhor contratar prostitutas eslavas do que argentinos coxos e em final de carreira....

"Nem ao Porto se escuta sobranceria dessa."

Lolada ao cubo, pah.

"De volta ao tema em questão, o capitão da equipa e jogador de qualidade, trocar a equipa pelo rival, já tinhamos visto este filme aquando o JVP. Que sentiste na altura? Que prejuízo para o Benfica? O Benfica ficou menor ou acabou, como vaticinam por aí frequentemente?"

é um filme totalmente diverso. Como assinalei antes, o JVP foi despedido por um energùmeno prepotente. Nao houve pini zahivis pelo meio, nao houve colocaçao do JVP no mercado, nao houve reunioes entre a direcçao dos dois clubes para definir clausulas, jogadores cedido, dìvidas de postigas perdoadas (esta entao é de bradar aos céus...), etc... O JVP nao era uma maça podre, era um jogador que carregava às costas a imbecibilidade de uma direcçao. Revoltou-se e tentou abrir os olhos a Vale e Azevedo? Talvez, aliàs, espero bem que sim. O Benfica saiu muito prejudicado desta situaçao e sim, por uns tempos fomos menores, mas nao somente pela saìda do JVP. Pela continuaçao do vale como presidente, como depois todos assistimos.

é demasiado fàcil para voces arranjar como desculpa ou justificaçao para o Joao Moutinho esta història do JVP. Insistem em olhar logo para tràs e, obviamente, para o Benfica, em jeito de apontar o dedo e procurar atenuar mais esta frustraçao jebiana. Nao o façam. Olhem para a frente e contratem alguém que saiba fazer aquele lugar no campo com o dobro ou o triplo da qualidade ( o que nao serà difiçil). Talvez com algum argentino ou brasileiro semi-reformado...

Valdemar disse...

Se o Porto não roubasse, só o Benfica é que ganhava?

Às tantas até era ao contrário, e era ao Sporting que calhava a maioria dos campeonatos nestes anos a que se reportam as escutas...

Sobranceria.

Quem ficou em segundo atrás do Porto nesses 29 anos?

low desert puke disse...

Quanto à primeira pergunta, obviamente que nao. Mas visto que hoje estàs numa de estatìstica, nesses 29 anos o Benfica ficou 9 vezes em segundo e ganhou 8 desses campeonatos. Em terceiro ficàmos também 8 vezes. Portanto 17 vezes entre os dois primeiros e 8 em terceiro.

O sporting ficou 7 vezes em segundo e ganhou 2 campeonatos. O terceiro lugar obteve-o apenas por 11 vezes, pois belem, guimaraes e boavista por 3 ou 4 vezes ficaram com este lugar e o sporting acabou em quarto. Assim sendo, 9 vezes nos dois primeiros lugares, 11 em terceiro e umas 6 ou 7 vezes em quarto.

Hà mais alguma coisa a explicar?

low desert puke disse...

Assunto off-topic, ou talvez nao, visto que é sul americano e hà anos que se reformou. Mas contactos meus muito bem colocados acabam de informar-me que uma estrela irà assinar pelo Benfica nos pròximos dias.

Assinalem o dia e a hora deste comentàrio e depois dir-me-ao se nao era verdade.

PS: nao adianta perguntarem nada porque nao irei abrir a boca mais até o negòcio estar concluido. Mas se quiserem divertir-se façam um estudo estatìstico aì na barra lateral.

PS2: Embrulhem...



















PS3: ...e carreguem!

benficaatemorrer disse...

os lagartos do banco devem andar cuma dor de kanu que até à distância deve doer...

eheheh!!!

Valdemar disse...

Parebizo a contratação se for o Buonanotte, o D'Alessandro ou o Riquelme.

Quente? Morno?

low desert puke disse...

Longe Valdemar.

O Buonanotte ainda està para explodir, o Riquelme jà se reformou mas também jà entrou na galeria de mùmias como o Angulo.

Valdemar disse...

Ah, e é essa a cultura da vitória que falas?

29 anos, 8 em primeiro, 9 em segundo, 8 em terceiro, e tens a coragem de vir falar da enorme cultura de vitória versus o Sporting?

Parabéns.

Quanto a subalternização aos de lá de cima, à belenenzição e outras bocas de roto a nú, estamos conversados.

Valdemar disse...

Pela tua alegria, é internacional. Brasuca ou Argentino.

Deixa ir aos sites de rumores...

Que venha trazer qualidade ao campeonato, é o que se deseja.

low desert puke disse...

Ainda nada està consumado, atençao.

Mas està quase.

low desert puke disse...

Pergunta: 29 anos, 8 em primeiro, 9 em segundo, 8 em terceiro, e tens a coragem de vir falar da enorme cultura de vitória versus o Sporting?

Resposta: sporting em 29 anos - 2 em primeiro, 7 em segundo, 11 em terceiro. Se quiseres posso mais uma vez sublinhar que voces teem quase tantos quartos lugares como nòs terceiros.

Porque é que continuas a insistir?

Valdemar disse...

Porque não sou eu a encher a boca com "cultura de vitória" por ter ganho o ano passado.

Já te disse que, infelizmente para ambos os nossos clubes, o único clube Português que pode falar em cultura de vitória, é o Porto.

Infelizmente.

Não me digas que vão desviar o Fábio Aurélio, ou que a comunicação social se enganou alguns quilómetros no destino...

jocivalter disse...

Ronaldo de Assis Moreira.bahhh

low desert puke disse...

Quanto a isso nao sei, pois sò a ti te vejo a usar a expressao "cultura de vitòria", com ou sem ironia, mas sò tu o tens feito.

Nao é o Fàbio Aurélio, é um nome bem mais pesado (mas nao tanto como o maniche). E jà se reformou hà uns bons anos de acordo com a maneira sportinguista de comentar contrataçoes destas.

jocivalter disse...

se for o nome que eu falei, acho que nem valia a pena teres comentado aqui Low. é pura treta.

Valdemar disse...

o dinho?

Considerei lançar mas não achei credível.

NPI2 disse...

O problema da formação, que o vosso SCP se orgulha (e com alguma razão), é que não olha à formação da pessoa. Isto é assim em todo o santo Portugal. Não me refiro apenas ao carácter, que obviamente é ignorado, mas também a outros aspectos que indirectamente tem influência no jogo.

A cultura dos "brinca na areia" está demasiado enraizada na nossa mentalidade. Comecem a por os putos a correr e encher.

Os nossos prodígios sãos sempre (ou quase) extremos, cheios de técnica e bazófia.
Repararam com certeza na mudança do cronaldo, após um ano em manchester...

Deviamos também por os putos a rematar à baliza, desde pequenos. Isso não é feito. O critério de escolha dos putos é sempre o mesmo: a habilidade.

Falta-nos muita coisa na formação!

A do scp é, até hoje a que mais contribuiu para o nosso futebol, admito, mas falta por naqueles putos alguma mentalidade. Vão buscá-los com 12/13 aninhos, logo deveriam ter uma responsabilidade acrescida na educação dos putos. Relembrando mais uma vez o cronaldo, em manchester, o clube caiu-lhe em cima após ter conseguido esbanjar 100mil euros numa semana...

É preciso fazer um acompanhamento muito mais eficaz a esses putos.

É isso que falta na nossa formação.

Espero que mude...


Se bem que estes casos sempre vão dando para uma rizota! O Moutinho tem 23 anos? provavelmente o futuro médio da selecção... Não faz sentido nenhum este negócio! Por mais que o rapaz queira sair, nunca poderia ser para um rival.

Absolutamente ridículo.

Sei da Relva disse...

A saída do Moutinho é mais uma «jebada». A propósito estou a pensar lançar uma petição para limpar o bom nome dos honestos cotonetes, tão injustamente associados a essa criatura nojenta:

http://panglossless.blogs.sapo.pt/

Petinga disse...

Ando a fazer refresh deste blog à procura de um post com pés e cabeca (ou pelo menos com piada) sobre esta merda do Moutinho. Parece que o Banco anda mesmo pelas horas da morte.

E o facto de JEB e Costinha ainda estarem no Sporting só demonstra que já nao há adeptos com coragem.

Valdemar disse...

NPI2

é uma cultura que não pertence só ao futebol.

Primeiro os direitos, e depois, eventualmente, se tiver que ser, os deveres.

Não é só o Moutinho. É em tudo na sociedade Portuguesa e por esse mundo fora, com a juventude e os mais velhos, a classe política, mas também no cidadão comum.

O mundo foi feito para os acolher.

A frase do Kennedy "não perguntes o que pode o teu país fazer por ti, mas sim o que podemos nós fazer pelo nosso país" vai ficando ridícula nos dias que correm.

Valdemar disse...

Nos dias de hoje, é impensável ter um guarda-redes que defende de braço partido, um eusébio que joga um amigável na digressão com o joelho inchado, porque sabe que foi para o ver que as pessoas se deslocaram ao estádio. Um capitão que é avançado/médio oifensivo internacional, mas até a defesa central, lateral direito, médio defensivo, de dispõe a jogar no clube.

Nos dias de hoje, o capitão troca a probabilidade de ser um dos imortais do clube por ser um dos imorais até no Usbequistão.

Não é problema exclusivo da formação do Sporting.

NPI2 disse...

Nunca disse que o era

low desert puke disse...

Pois Valdemar, mas temos o exemplo de um Cardozo que jogou os ultimos cinco jogos do campeonato com o tornozelo esquerdo pelas horas da morte. Porque era preciso um forcing final para sermos campeoes, porque era preciso aliar a isto o titulo de melhor marcador que hà quase 20 anos que nao era ganho por um benfiquista. Pondo em risco talvez a sua carreira, ou quanto muito, e isso quase a conteceu, o Mundial - pois no inìcio pouco participou e as boquinhas de fuinha e companhia logo se fizeram ouvir, mas no derradeiro jogo, o do ou vai ou racha, contra a Espanha ali estava ele...a titular.

Se calhar é por isso que a mìstica benfiquista é algo que ainda nao faz parte do passado, morto e enterrado. é ainda actual, talvez esporàdicamente apareça, mas existe. E dà enorme prazer ver isto.

Noutros clubes fazem-se birras e obriga-se a uma venda que mete em muitos maus lençois a direcçao, a formaçao, a equipa técnica, o director desportivo e...a crença dos adeptos.

E o que é que se conclui com todos estes e outros episòdios? Sobranceria benfiquista, pois claro.

Valdemar disse...

low,

misturar mística benfiquista e Cardozo na mesma frase é forçar um bocado a barra.

Ainda por cima um jogador que por algum motivo é mal amado pelos benfiquistas...

ana disse...

O low está a esquecer-se do Izmailov. Se se lembrasse, nunca diria que o Cardozo tem a mística benfiquista sem ter de concordar que ela também existe no Sporting... óminhanossassenhora!
No caso do Cardozo, puke, pode-se dizer que ele não queria era perder o comboio do mundial, para (palavras dele) poder vir a jogar num grande clube. Já no caso do Izmailov... bem, agora que me puseste a pensar nisso, o homem ama a camisola, o Sporting! IIIIIIzmaaaa!

low desert puke disse...

Mas o Izmailov nao queria ir là para a Russia hà uns meses? Mais uma birra e mais uma vez o Costinha a fazer merda? O facto é que o clube russo confirmou que os problemas fìsicos do gajo ainda nao estao debelados a 100%, e depois voces chamam-lhe mìstica.

Valdemar, nao sei que raio de amigos benfiquistas tens, mas parece que eles sentem sempre o contràrio do que acha 80% do universo benfiquista...

ana disse...

ó rapaz, mas o que tu chamas de mística não é jogar lesionado? O teu Cardozo jogou os últimos 5 jogos lesionado, o Izmailov jogou uma época e meia! De acordo com os teus parâmetros... Izmailov a presidente, já!

ana disse...

ó puke, mas quem é que chamou de mística ao facto de um tipo jogar lesionado? Foste tu, não fui eu! A ser assim, o Izmailov anda a fazê-lo há mais de um ano! Queres maior mística do que isto? Isso de dizer que queria ir para a Rússia foi um arrufo, num assomo de raiva por estar aflito com dores e o Costinha ficar zangado com ele por o rapaz se recusar a jogar a conselho do médico dele (que não o do Sporting, atenção. Quem o operou). Aliás, consta que recusou um ordenado bem superior oferecido por um clube russo para ficar no Sporting...

Petinga disse...

O low deve andar a comer muito queijo... ou nao te lembras do Izmailov ter declinado a convocatória para o Euro 2008 para poder recuperar e estar em condicoes para jogar no Sporting? Pode nao nos ter servido de muito em termos desportivos (afinal, só ficámos em 2o lugar outra vez... recorda-me lá em que posicao ficou o Benfas em 2008/2009?) mas encosta essa fabulosa mística do Cardozo a um canto.

Eu sei, dei-te um baile. Nao precisas de agradecer. Podes pagar à saída.

low desert puke disse...

Voces ou sao confusos de nascença, optaram por se-lo nestes ultimos tempos, ou isso é sò porque estao a falar comigo?

ana, uma época e meia o Izmailov a jogar? Tens certeza? A jogar?!? Nao foi na bicicleta enquanto olhava para os colegas a treinarem através da janela?... E nao, ana, como eu disse antes nao foi o Izmailov que recusou o que quer que seja do clube russo. Foi o clube russo que confirmou que o joelho esquerdo do Izmailov està ao nìvel do Mantorras. Depois o Costinha vendeu a història como melhor soube e voces continuam a engolir balelas. Disseste tudo, petinga, "declinado a convocatória para o Euro 2008 para poder recuperar" - declinado, para poder recuperar? Mas quem é o seleccionador que leva gajos lesionados a um Euro ou Mundial? Vamos là a ser sérios.

ana disse...

OK, o Cardozo é que é um altruísta e ama o esselbê! F$"$#, não sei porque é que insisto em "falar" contigo. Não há pachorra! Como é que tu chamas um assunto, eu dou-te um exemplo de maior dimensão de acordo com os teus parâmetros e tu consegues dar outra interpretação completamente diferente. O Izmailov não jogou meia época, logo a seguir à operação. Também era melhor que tivesse saído da mesa de operações directamente para o campo.
Queres ser sério, vais-te informar melhor, queres continuar com bazófias e argumentações completamente estúpidas, ficas a falar sozinho, que eu já tive a minha conta. va de retro!

low desert puke disse...

Disseste tudo, ana. Informar-se melhor, para ser sério e ter argumentos vàlidos. é que se o Izmailov desde 2008 até hoje tem 30 jogos pelo sporting, e nem todos a titular (!), portanto em dois anos nem chega ao numero respectivo de uma época inteira e tu dizes que jogou...uma época e meia...

De facto sou eu que dou interpretaçoes completamente diferentes e irreais de factos tao simples e à vista de todos, sou mesmo tòtò...

Anónimo disse...

e se o simão voltasse ao Sporting...JEB está a tentar...

Pesquisa personalizada