sexta-feira, 28 de março de 2008

Dá a pata! Rebola! Lindo menino!



Jesualdo hoje em conferência de imprensa (in maisfutebol.pt):

Na terça-feira soube-se que Pinto da Costa tinha sido pronunciado para ir a julgamento no âmbito do processo Apito Dourado. Ora esta manhã quis saber-se como é que o plantel reagiu a esta notícia. «O plantel do F.C. Porto é composto por jogadores profissionais, contratados para fazer um trabalho muito positivo e para ganhar», disse Jesualdo Ferreira.
«Não sei se o presidente do F.C. Porto vai ser julgado pelos 45 títulos que ganhou, mas isso já não me diz respeito».
Jesualdo Ferreira que, na época a que se reporta a investigação do processo, nem estava no F.C. Porto. O que motivou outra questão: do lado de fora sentia que o clube era beneficiado pelas arbitragens? «O que eu sentia é que o F.C. Porto era diferente de todos os outros e que ganhava mais vezes», respondeu.
«Querer reduzir títulos conquistados durante 25 ou 26 anos a outra questões secundárias, não querendo reconhecer o mérito das pessoas, parece-me uma grande falta de rigor e de honestidade intelectual. Não percebo se vai julgar-se um presidente que vai conquistar o 45º título ou se vão julgar-se outras coisas».

4 comentários:

Caneleiras de cortiça disse...

Esse senhor merece o destino da maioria dos treinadores que ganharam alguma coisa no Porto: A clandestinidade.
Ivic? Artur Jorge? CAS? Tó Oliveirinha? Até o Mourinho (à data que escrevo) está no desemprego.
Havia de lhe crescer um pinheiro no cu, sr. jesus aldo

tio disse...

esse sim é que devia ir para a Rua!!

Repórter H disse...

O Jesus Aldo rua e o papa DENTRO!
Isso é que era!

Zizu disse...

É mesmo palhaço.
Mais valia estar calado e não se pronunciar

Pesquisa personalizada