terça-feira, 25 de agosto de 2009

Exemplos

«Às vezes dou este exemplo aos jogadores: aquilo que mais me enervou no filme Titanic foi quando os barcos iam a descer com as senhoras e as crianças e houve um indivíduo que se misturou». - Paulo Bento, hoje na conferência de imprensa de lançamento ao jogo Fiorentina - Sporting.

Além de ser um exemplo muito gay - só faltava dizer que as músicas da Celine Dion acompanham muito bem os treinos - é uma granda merda de exemplo!

O que é que isto quer dizer?

Depois do Veloso e do Moutinho terem dito que se queriam ir embora, agora foi o Rochemback a querer bazar à frente deles? Será uma mensagem subliminar, que ele quer passar aos jogadores que envolve barcos a ir ao fundo?

Metam mas é o Abel a dar as conferências de imprensa. Já que é licenciado quando fala não mete os pés pelas mão e sempre tinha alguma utilidade.

5 comentários:

Virgílio disse...

O Abel não mete os pés pelas mãos?

RH, já te esqueceste daquela 'boca' da caravana e dos cães?

Qt ao exemplo do PB é uma belissima merda sim, senhor!

Pois a mim faz-me recordar a cena do navio a afundar-se e a orquestra a tocar, calmamente, como se nada se passasse... Ora aqui está uma boa imagem para alguém com eles no sítio mostrar ao PB...

Abraço!

Caneleiras de cortiça disse...

E esta do Izmailov a dizer que se o Bento se for ele também se vai?
Caganda profissional. Qual amor ao clube, qual quê??!! Amor ao Mister!
Mas isto pode levar a uma pescadinha de rabo na boca: Se Bento sair, Marat sai. Se Marat se for, Miguel baza. Se Miguer der de frosques, Yannick põe-se na alheta; Se Yannick der de fuga, Floribella vai-se embora com ele. Se Floribella sair de cena, JEB, o Pedro Granger de cabelo branco, fica sozinho na cantoria do desgraçadinho, do sou pobre em ouro mas rico em sonhos. E isso ele não vai deixar que acontece. E vai segurar o Bento...e o Marat...e o Miguel...

low desert puke disse...

O Rochemback querer sair antes do Veloso e do Moutinho è sinal que o homem afinal està em forma. Ou nao fosse essa a sua primeira jogada de antecipaçao dos ultimos 5 anos de carreira.

Ricardo disse...

O grande problema do Sporting, na minha opinião, não está no plantel nem no treinador. Está naquele cromo de cabelinho branco. Já o tinha dito aquando das eleições e volto ao tema. O homem é completamente desadequado ao lugar. Diz parvoíces sempre que abre a boca, contradiz-se, mostra-se incompetente e, no fim, quando os resultados não aparecem e apenas e só para não mostrar uma incoerência total, vem dizer que não despede o Paulo Bento mas algo vai ter de mudar seriamente.

Quem é este cromo? O mesmo que há duas semanas veio dizer que o Benfica e o Porto estão mais fortes e que ele devia ter arranjado forma de o Sporting ter mais potencial financeiro mas que infelizmente não fez tudo o que devia fazer???

Vocês já viram bem o ar de parvo que o homem tem? É o típico adepto que um dia pensou ser presidente, só que neste caso acabou mesmo por acontecer. E agora ele não sabe o que fazer. Vai apresentando sócios e tirando fotos com as equipas das amadoras, com aquele ar muito composto, com a farfalheira branca em destaque e a incompetência em primeiro plano.

low desert puke disse...

ò Ricardo, mas a contradiçao è o ar que esta gente respira. Sò que feita pelo Pedro Granger là da associaçao dos viscondes tem um bocado mais de estilo, pronto.
Chateias-te com pouco pà.

Pesquisa personalizada