quinta-feira, 4 de março de 2010

A patologia

Por estes dias a minha caixa de correio electrónico foi invadida por diversas mensagens de amigos lampiões, na sequência de uma original em que um deles se vangloriava com a notícia que saiu esta semana onde se podia ler que o Benfica tem actualmente o menor rácio de golos sofridos vs. jogos realizados e o 2º melhor de golos marcados vs. jogos realizados em toda a "Óropa".

Até aqui tudo normal. A notícia reflecte os bons resultados e a boa época que o Benfica tem realizado e portanto, nada mais natural que os benfiquistas com isso exultem. No entanto, com o acender da discussão, na qual tomaram parte outros amigos sportinguistas, cheguei à conclusão que mais do que mostrar satisfação, o comportamento desses benfiquistas (e isto é extensivo a malta lá do escritório, a malta fiel aqui à chafarica, a postadores noutros blogs, etc, etc) dá sinais de que podemos estar perante algo mais que isso.

E a bem dizer, pus-me a reflectir e conclui que ser lampião é na verdade uma patologia clínica e que assumida como tal, poderá ser curada.

Mas vamos por partes. Em primeiro lugar, demonstrar o porquê da minha afirmação, para que possamos chegar à brilhante conclusão. Analisando a referida discussão, mais do que satisfeitos com os resultados, os benfiquistas queriam à força que a facção contrária admitisse que estamos perante resultados fabulosos só ao alcance dos predestinados. Descontando o facto de que todos os anos, algum clube ter que apresentar o melhor rácio do que quer que seja, a verdade é que o comportamento a muito se assemelha à esquizofrenia, o que é reforçado pelo auto-convencimento colectivo que são os maiores do mundo. Este comportamento é ainda reforçado pelos "Glorioso", "Catedral", "Enorme", entre outros epítetos utilizados pelos lampiões para se referirem ao próprio clube.

Outro comportamento que demonstra inequivocamente que estamos perante uma patologia, em tudo semelhante à paranóia, é o já famoso "vocês estão sempre a pensar em nós". Isto é tanto mais grave, quanto o facto de que os lampiões realmente acreditam que isto é verdade; uma prova deste facto vão ser as acusações aqui ao escriba, por estar a postar esta mensagem (isto apesar de pelo menos há 9 mensagens não falar no Benfica).

Terceiro aspecto a ter em conta - é contagioso. Quantos lampiões vocês conhecem, que pegam a maleita, por exemplo aos filhos (as crianças como se sabe, têm menos defesas e apanham estas coisas todas). Ninguém nasce lampião, é algo que se contrai. Normalmente apanha-se pelo contacto prolongado com um familiar próximo que sofre do mal e depois é difícil de se curar -principalmente porque até hoje ainda ninguém se tinha apercebido que estamos perante uma doença.

Aceitando então esta realidade, que ser lampião é uma patologia, será muito mais fácil chegar à conclusão que pretendo: é que tem cura! Por ser uma enfermidade do foro psiquiátrico, uma parte da recuperação poderá ser obtida através da ajuda de profissionais competentes. Assim, deveríamos ter os lampiões a deitarem-se nos divãs deste país e a mandarem cá para fora aquilo que os apoquenta. Já estou a imaginar as conversas:
  • Dr. passo horas a pensar que o David Luíz é o melhor central a actuar na Europa, não acha? Se calhar é mas é do mundo. E o Dr. o que acha? É ou não é? Dr., Dr.... ajude-me por favor.
  • Sabe Dr. acho que sou lampião, porque quando era pequeno o meu tio punha-me horas a ver o Chalana e o Pietra! Nunca consegui ultrapassar isto.
  • Dr. lá na repartição sempre que falam no Benfica, vem-me logo à cabeça o "SLB, SLB, SLB, SLB, SLB, Glorioso SLB, Glorioso SLB!"
Acho que já perceberam.

Outra coisa que poderia contribuir para a melhoria dos lampiões em geral (embora cada caso seja um caso e cada um possa reagir melhor ou pior a determinados tratamentos) e que acaba por reforçar a teoria que se trata efectivamente de uma patologia, seria uma dieta mais rigorosa, em particular evitando o álcool. É um facto que as bebidas alcoólicas potenciam o lampião. Basta ver uma qualquer casa do Benfica em que à medida que a noite avança e o consumo de álcool vai aumentando, o grau de benfiquismo vai crescendo até à euforia. Grave, mas simples de curar: é beber menos.

Finalmente e como em qualquer outra patologia, o recurso a químicos poderá ser um instrumento de ajuda importante. Por isso, julgo que seria positivo se chegássemos ao ponto em que ouvíssemos: "olhe, vou-lhe receitar uns supositórios. Coloque 2 por dia, um de manhã e ou outro à noite, conforme o folheto de instruções que lhe vou dar, durante 2 semanas e depois marque mais uma consulta para eu o observar outra vez. E lembre-se, bebida nem vê-la!".

12 comentários:

Ricardo disse...

6 milhões de gajos sóbrios com supositórios no cu? Que país seria esse? O que sobraria? O milhão e meio de sportinguistas que, mesmo sem supositório, já tem aquele ar de sofrimento natural? O outro milhão de raivosos portistas que nem precisam de beber para acharem que devem bater em toda a gente?

Ná. Prefiro uma cura mais gira: álcool a rodos lá para o mês de Maio e uma cidade inundada de vermelho.

Essa será a cura.

@leo@ disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
@leo@ disse...

Ah seu anti malandro.... :D

Fuinha da Bola disse...

Tens que adicionar ao post o sintoma do Censo Encarnado em que o I.E.E. (Instituto Encarnado de Estatística) garante que são 6 milhões de encarnados (e neste caso quantidade é mesmo qualidade) perseguidos por 1 milhão e meio de Sportinguistas e 1 milhão de corruptos. Milhão e meio de osguenses esses com ar sofrido natural que andaram 4 anos a festejar tacinhas e segundos lugares e que agora não percebem os festejos do Enorme com o título de terem passado meia época em segundo lugar.

low desert puke disse...

"vocês estão sempre a pensar em nós" ou "fuinha da bola".

jürgen disse...

manda aí uma embalagem pr javi, acho q está a precisar

http://www.abola.pt/nnh/ver.aspx?id=195967

Petinga disse...

LOL quao verdadeiro o que aqui se escreve...


Costumo dizer que os Franceses sao os Benfiquistas da Europa. Quando ganham, ninguem os pode ouvir e vangloriam-se durante 4 anos a fio (no minimo), e toda a gente tem que admitir que sim, que sao muito bons e a ultima maravilha do mundo futebolistico moderno. Quando perdem, afinal nao gostam de futebol e nunca acharam piada a esse desporto. Mas afinal ha Campeonato do Mundo este ano? E a Liga ainda nao terminou?

low desert puke disse...

"Quando perdem, afinal nao gostam de futebol e nunca acharam piada a esse desporto."

Confundiste qualquer coisa no teu bitaite, rapaz. Pois até metade dos anos 90 tanta e tanta gente nao gostava de futebol mas foi sò aparecer um gajo chamado Acosta e jà eram sportinguistas desde pequeninos. Nao sò tens falta de memòria como, pior, empurras comportamentos ridiculos sò vistos no teu clube, para cima do Benfica.

Petinga disse...

Oh meu querido vomitozinho

Eu sempre assumi o meu Sportinguismo e nunca tive problemas nenhuns com isso durante a decada de 90, mal-grado a arrogancia tipica dos adeptos do Glorias de Carnide (de que o teu comentario e exemplo perfeito). Depois de um fim-de-semana em que o Glorias tivesse ganho e o Sporting tivesse perdido, ja se sabia que tinhamos que levar com eles "epa, ganhamos. Jogamos muita bem. Tamos com uma granda equipa este ano!! E voces? Que equipa de merda, pa. Nem conseguem ganhar ao xxx".

Ja durante o periodo entre 1999 e 2005 lembro-me de varias vezes ter falado de futebol com adeptos desse fantastico clube e ter ouvido TEXTUALMENTE as respostas que transcrevo. Sobretudo naquele ano em que ficaram em 6o lugar e nem foram a Europa. Ai nem os conseguia encontrar na 2a feira, escondiam-se que era uma limpeza... sempre ocupados, nem tinham tempo para fazer uma pausa para o cafe.

O Sporting este ano tem sido uma bela merda (excepto talvez uma mao-cheia de jogos) mas nao ves nem o H nem os outros Banqueiros do SCP a esconderem-se, pois nao? Muito menos eu proprio.

E por estas e por outras que nao ha pachorra para os adeptos do Benfas. Talvez tu em particular nao sejas assim, mas TODOS os adeptos desse clube que conheco pessoalmente (alguns ate sao grandes amigos de infancia) reagem dessa forma. TODOS. Vai ao BNRB e le o que os adeptos do teu Benfas escrevem nas caixas de comentarios quando alguem ousa discordar das teorias deles ou colocar em causa a sacrossanta fantastica equipa-maravilha que vai limpar tudo o que ha para ganhar este ano (menos a Taca de Portugal, claro)...

Durante o "longo jejum" nao faltava quem continuasse a vender a bica ao preco de 1982, quem prometesse ir de joelhos a Fatima, e outras alarvidades em caso de vitoria na Liga. Os Sportinguistas a serio raramente se escondem, pa. Simplesmente aprendem a nao depender dos resultados da sua equipa de futebol para se sentirem bem na vida.

Cumprimentos

Petinga disse...

Para rematar:

Os Franceses sao EXACTAMENTE como os adeptos do Benfas. Por essas e por outras e que na final do Mundial 2006 praticamente a Europa INTEIRA estava a torcer pela Italia (e se tu moras em Italia deves saber isso muito bem). E que nao ha cu para ter que levar com adeptos fanfarroes!! Em 2000 so me apetecia dizer-lhes: Arranjem outros hobbies, estudem, encontrem um emprego que vos satisfaca! Qualquer coisa! Mas deixem-nos em paz com o "On est Champions! On est Champions!" Dasssss

low desert puke disse...

No grupo de Banqueiros do SCP nao estàs a incluir tio, fuinha, bengas, leo e ana, pois nao? é que eles falavam, falavam e falavam...mas nao diziam nada. Depois calaram-se e sò nas ultimas semanas apareceram esporadicamente.

Quanto ao periodo final dos anos 90, o sexto lugar foi o resultado da gestao ruinosa feita por um gajo chamado Vale e Azevedo. Nao sò tinhamos vergonha daquilo que se passava dentro de campo mas também fora. Onde esse "presidente" roubava o pròprio clube. Nao tenhas duvidas que a nossa vergonha nao era somente porque o sporting ganhava e nòs nao. Ao contràrio de outros, ficamos exasperados quando presidentes do nosso clube roubam...

Ainda no mesmo periodo, mais concretamente em 1998, depois de grandes jogos no Mundial é chegada a final França-Brasil. Dois amigos meus na Universidade mostravam-se incrèdulos como era possivel "nao ir dar uma volta pelo Bairro Alto para ficar a ver um jogo de futebol, man?!?" - frase que nunca mais me sairà da cabeça. Dois anos depois nao sò seguiam futebol diariamente como eram "sportinguistas old-school pà, nunca mais me vou esquecer de alguns golos do Manuel Fernandes que vi là no estàdio."

Sintomàtico, nao?

Petinga disse...

LOL
Nos deviamos era conhecer-nos pessoalmente, puke! :-) Parece-me que tu se calhar ate es capaz de ser um Benfiquista digno da letra maiuscula no "b"...

Abraco

Pesquisa personalizada