terça-feira, 13 de janeiro de 2009

Pinigol ou porque é que raio o Sporting contrata sempre o irmão errado

Mauricio Ricardo Pinilla Ferrera aka Pinigol é um dos 2 "avançados" escolhidos para titular da nossa Nightmare Team. Chileno, chegou ao Sporting proveniente do futebol italiano onde (quase) que representou o Inter (já vem de longe essa técnica tão portuguesa da tentativa erro enquanto estratégia de contratação do clube milanês) e depois o Chievo Verona.

Chegou a Alvalade com o estatuto de jovem estrela; o "novo Salas" dizia-se mesmo, mas ainda melhor, porque este tinha pinta ao contrário do ar canastrão do ex-avançado da Lazio. Mauricito, como era carinhosamente tratado no seu país, chegava e fazia sonhar os adeptos leoninos que ansiavam (e curiosamente ainda anseiam) por um parceiro para Liedson.

Rapidamente criou uma empatia com o público leonino que depressa o rebaptizou de Pnigol. Ainda hoje estou a perceber de onde é que vem o "gol", mas presumo que seja dos goles de vodka que o Pinilla mandava na night lisboeta.

Depois de 3/4 da época em que ofensivamente o Sporting foi mais produtivo nos últimos 20 anos e com apenas um golo para amostra, Pinilla, a meia duzia de jogos do final da temporada numa assentada, marca um golão ao AZ Alkmaar na meia-final da taça UEFA e espeta 3 ao Braga, deixando o Sporting muito perto do sonho. No dia seguinte lesiona-se e acaba a palhaçada!



Depois disso e enquanto o Sporting procurava outro Pinilla, desta vez chamado Mota, Koke, Bueno ou Derlei para emparelhar com o Liedson, o chileno rumava a outras paragens e desamparava-nos a loja. Passou pelo Hearts onde o seu feito mais significativo foi 6 meses de baixa com uma depressão e este ano ajudou o Vasco da Gama a descer de divisão. Aparentemente por lá continua e as notícias que vão chegando não têm a ver com os seus feitos futebolisticos mas com as suas conquista amorosas ou com sopapos que apanha de outros chilenos também jeitosos como ele.

Mas a contratação de Pinilla, veio confirmar que no Sporting há um talento inato para contratar o irmão errado. Foi assim com Assis, que é apenas e só irmão do Ronaldinho Gaúcho e também com o Mbo Mpenza, que não sendo mau não era tão bom como o seu irmão Emile. Com Pinilla aconteceu o mesmo, o Mauricito é irmão da Sandra, a cachopa da foto no início do post.

1 comentário:

rodriguez disse...

eh eh eh. Muito bom!
O melhor golo que ele marcou foi contra o moreirense. Ainda hoje não percebo como é que ele fez aquilo. Deve ser fácil encontrá-lo no youtube, dado o número avassalador de golos que ele marcou!

Um abraço!

Pesquisa personalizada